8 Comentários

Deixe um comentário

Seu email não será publicado

Por favor insira um comentário
Por favor informe seu nome
Informe uma url válida.
  • Anônimo 12 de abril de 2013, 13:10

    Estamos no país dos direitos, onde todo mundo tem direitos e poucos tem deveres. O irritante é ver autoridades, como o Desembargador da Infância e Juventude, declarar no Jornal Nacional que o aumento da maioridade civil não é a solução. Segundo ele, a mudança tem que ser de conscientização.
    No entanto, até que tal conscientização ocorra (se é que algum dia vai ocorrer), quantos meninos, meninas, adultos, velhos e velhas terão que morrer dessa forma? Neste caso específico, o vagabundo não matou apenas o rapaz, ele matou uma família inteira. Não é fácil você se matar a vida toda para criar um filho e perdê-lo dessa forma.
    Até quando o custo da impunidade vai continuar sendo nossas vidas? Sou pai de três filhos, todos jovens, e sinto muito medo do que o futuro lhes reserva, pois aqueles que deveriam se mexer pra tentar mudar essa sorte de coisas, nada fazem e continuam alienados, vivendo num mundo de “faz-de-conta”.
    É revoltante!

  • Anônimo 12 de abril de 2013, 20:14

    aqui no brasil a lei e a favor dos bandidos tanto da alta sociedade como os mais pobres, vamos colocar esses menores inflatores todos na cadeia doa a quem doer,.

  • Anônimo 2 de maio de 2013, 23:57

    Reconedo o vídeo de minha autoria postado no YouTube intitulado: “VICTOR – E UM MENOR O MATOU – ACRÓSTICO” – Antônio Souza Pv. 19, 21

  • Anônimo 15 de maio de 2013, 15:25

    Recomendo o vídeo de minha autoria postado no YouTube intitulado “VICTOR HUGO DEPPAMAN – MAIORIDADE PENAL” – ACRÓSTICO 2/2. – Antônio Souza Pv. 19, 21.

  • Anônimo 11 de fevereiro de 2015, 00:30

    O QUE ESTA MATANDO EM NOSSO PAIS, NÃO SÃO OS ASSASINOS E SIM A INPUNIDADE QUE ASSOLA, VAMOS COBRAR A MUDANÇA DAS LEIS, PEGOU UMA ARMA E MATOU É UM CRIMINOSO E NÃO UM ADOLECENTE ,MANTER NA CADEIA ATÉ A MAIORIDADE E DEPOIS ,PUNILO COMO ADULTO, AI SIM O ADOLECENTE VAI PENSAR ANTES DE MATAR, OU ENVIA-LO PARA A INDONESIA, QUE LA A PENA É BRANDA. OS PAIS SÓ APARECEM, PARA APRESENTA-LO COM UM ADVOGADO, PORQUE NÃO O DENUNCIOU ANTES?

    • Anônimo 18 de fevereiro de 2015, 12:25

      É um absurdo, é um tapa na cara dos cidadãos e,onde está a resposta para este caso. Qual a punição daquele que tirou a vida de um garoto de bem, estudante ( peça fundamental para o progresso de um País ).

  • Anônimo 18 de fevereiro de 2015, 12:23

    Este facínora que matou o Vitor, pode sair…Temos que exigir REFORMA PENAL. Menores que cometem crimes hediondos tem de pagar como adultos.