1 Comentário

Deixe um comentário

Seu email não será publicado

Por favor insira um comentário
Por favor informe seu nome
Informe uma url válida.
  • Anônimo 17 de junho de 2011, 19:56

    O Procon poderia aproveitar o ensejo e também pedir a intervenção na Telefônica, pois o que se vê é um total descaso dessa empresa com a manutenção de seus serviços. E quem sofre é a população.
    Pra quem circula na região central da Vila Prudente sabe muito bem do que estou falando, pois tem que ficar se desviando de fios e cabos telefônicos arriados do alto dos postes, isto quando não estão caídos nas calçadas. Pra quem não viu, dá uma passada pela Rua Ingaí, ao lado da Igreja Santo Emídio e aprecia a precariedade da situação.
    Por outro lado, as operadoras quando forçaram a barra pra manter a tarifa de assinatura, alegaram que essa cobrança não poderia deixar de ser feita, pois se destinava à manutenção da rede telefônica. É o chamado “Migué”…