10 Comentários

Deixe um comentário

Seu email não será publicado

Por favor insira um comentário
Por favor informe seu nome
Informe uma url válida.
  • Anônimo 29 de abril de 2011, 19:04

    Pois é , o gráfico acima mostra bem o quanto se aumentou a passagem e o quanto piorou o transporte, não seria o caso das linhas servirem mais os Metrôs VP e Tamanduateí,e voltarem para seu pontos iniciais???.

  • Anônimo 30 de abril de 2011, 14:27

    UMA ÓTIMA DICA A TODOS, UTILIZEM A LINHA 4031-10, METRO TAMANDUATEIXPQ SANTA MADALENA. ESTA LINHA PASSA NA AVENIDA DO ORATORIO INTEIRA E VAI ATÉ O METRO, E OS ONIBUS SÃO A CADA 5 MINUTOS.

    • Anônimo 2 de maio de 2011, 20:17

      Obrigado pela dica, realmente utilizei e funcionou muito bem.

  • Anônimo 1 de maio de 2011, 00:05

    EXCELENTE MATÉRIA, INFELIZMENTE ALÉM DO PRÊÇO ABUSIVO DA TARIFA DE ÔNIBUS, O POVO TEMUMA PÉSSIMA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO, UM DESRESPEITO AO CIDADÃO E AINDA SUGEREM PARA QUE AS PESSOAS DEEM PREFERÊNCIA AO TRANSPORTE PÚBLICO. ISTO NÃO PASSA DE UMA DEMAGOGIA.

  • Anônimo 3 de maio de 2011, 23:34

    Esqueceram de falar da linha 4222-10 Praça João Mendes Parque Santa Madalena.Todos os dias esse onibus demora mias ou menos uma hora de difernça de um para ooutro,fora que já peguei duas vezes e nas duas eles quebraram bem em frente a subprefeitura de Vila Pudente.A impressão que estou tendo é que as reclamações soam como no deserto.A preocupação do Kassab e outros é sobre criação de novo partido,quem vai prá onde e quem fica.O povo que se dane,pois ñão existe mais oposição, o bolo está sendo dividido.Esses que estão hoje no governo metem o pau nos militares quando estavam no poder,só que se fizer uma pesquisa vai ver que muitos estão com saudades dos militares.

    • Anônimo 3 de junho de 2011, 05:42

      Osvaldo, não sei se publicarão minha postagem mas, eu disse que quem dita as regras para as empresas sobre o número de carros e os intervalos é a própria SPTrans então ela é culpada. Por isso de nada adianta reclamar. Para o empresário não é interessante o carro lotado já que a maioria são novos porém carro trabalhando sempre no limite consome mais óleo, gasta mais pneus e as manutenções tem que ser adiantadas. E o mais importante disso tudo é que quando você paga a passagem, o dinheiro não vai para o cofre da empresa como era antigamente mas sim, para os cofres da Prefeitura para, só Deus e os empresários sabem quando, estes serem repassados as empresas. Essa história que sempre ouvimos de a prefeitura passar subsídeo as empresas nada mais é de que devolver aquilo que lhes fora roubado. Alguém se apropriar de um dinheiro que outro trabalhou para ganhar para mim é roubo. O Kassab é o pior prefeito que esta cidade já teve. Está deixando o DEMentes para fundar outro partido que no meu conceito deveria se chamar INFerno que é o lugar onde ele deveria estar agora. Infelizmente o demo odeia concorrência.

  • Anônimo 7 de maio de 2011, 00:15

    Esqueceram de citar também, umas das linhas de ônibus que já virou lenda urbana, todo mundo sabe que existe, mas ninguém vê.
    Trata-se da linha 4208-10 – Parque Savoy City / Pq. Dom Pedro II. Passa de hora em hora, quando passa, e não tem horário certo.
    Outra linha que apresenta decifências é a 574J-10 – Terminal Carrão / Metrô Conceição. Demora para passar, nem sempre para no ponto e no horário de pico vem hiperlotada. Sem contar que o modelo de ônibus desta linha não é adequada ao transporte de passageiros. Não há barras de apoio por todo o veículo e os passageiros correm o sério risco de quedas e possíveis fraturas.
    Fica aí o registro destas péssimas linhas de ônibus.

  • Anônimo 3 de junho de 2011, 05:30

    Pagamos pela tarifa municipal mais caro do que se paga pelos intermunicipais que passam pela região, vindos de São Caetano do Sul e bem mais caro que a passagem cobrada no Rio onde a maioria dos ônibus são equipados com ar-condicionado. Para atender os usuários das novas estações na região, não basta fazer alteração de linhas mas sim criar novas linhas fazendo ligação com bairros mais distantes, ciação de linhas semi-expressas a partir destas estações e a ponte-orca fazendo ligação com outras estações que não mantém baldeação direta como é o caso da linha leste-oeste. Por que ninguém divulga que as planilhas das empresas de ônibus, quem dita é a SPTrans? Quem diz quantos carros vão circular e qual será o intervalo quem determina é a SPTrans e não as empresas. Diante disto, de que adianta reclamar a SPTrans pela falta, demora e atrasos dos ônibus se ela é culpada? Enquanto não se mudar o sistema de gestão do transporte nesta cidade o trânsito continuará a gerar o caos assistido todos os dias.

  • Anônimo 4 de maio de 2012, 15:43

    Concordo com o Marcos. A linha 574J-10 é um verdadeiro caos. Demoram a passar, os motoristas e cobradores são em sua maioria grosseiros e mal educados, muitas vezes os mesmos nao param no ponto quando solicitados e a configuração interna do carro utilizado para essa linha é vergonhosa e perigosa, já que presenciei por diversas vezes pessoas se machucando durante a viagem. Tenho dó de quem utiliza essa linha diariamente.

  • Anônimo 28 de outubro de 2015, 13:10

    Todo mês tenho que ir até o posto de saúde na R dos Italianos no Bom Retiro, ontem na volta peguei o onibus Parque São Lucas por volta das 16:15 hs, infelizmente não marquei o numero do onibus, foi um horror, o motorista fazia as curvas como um doido com aquele onibus articulado, o cobrador ficou o tempo todo ao lado do motorista conversando, e o cobrador na R. Monsenhor Andrade desceu do onibus e só subiu próximo a R. Oriente, buzinava para sairem da frente como um louco, fiquei horrorizada e com pessoas de idade dentro do onibus tinhamos que se segurar para não cair das cadeiras.
    Fica aqui a minha denúncia, não sei se adianta muito mais fiquei chocada.
    Mirian