Audiência pública na Câmara debate PL do Parque na Mooca


Nesta quarta-feira, dia 29, em audiência pública da Comissão de Política Urbana, Metropolitana e Meio Ambiente, na Câmara Municipal, foi debatida a criação do parque público no antigo terreno da Esso, entre as ruas Barão de Monte Santo e Dianópolis, na Mooca. Hoje o espaço pertence à construtora São José. Integrantes do movimento Parque na Mooca Já!, além de moradores do bairro, estiveram presentes para defender a aprovação do Projeto de Lei (PL) 32/2018, de iniciativa do vereador Gilberto Natalini (PV), em coautoria com outros vereadores, que propõe o parque público na totalidade do terreno. A iniciativa tem apoio da Folha que luta pela causa há 16 anos.

A audiência foi comandada pelo vereador Dalton Silvano (DEM), que preside a Comissão. Ele se mostrou favorável à proposta. Também presente à audiência, o vereador José Police Neto (PSD) destacou que o PL atende aos requisitos legais para tramitar na Câmara. “No que diz respeito ao mérito e às questões ambientais, o projeto acolhe a demanda pela criação de novas áreas verdes na cidade e respeita as especificidades contidas no Plano Diretor do município. E, acima de tudo, é de interesse público, pois trará ganhos à sociedade”, afirmou.

Representando o Movimento Parque na Mooca Já!, Aluizio Tonidandel, lembrou que o vereador Natalini apresentou o PL após receber abaixo-assinado com mais de 21 mil adesões pedindo a preservação total do terreno com vegetação, como forma de melhorar o baixo índice de área verde por habitantes no bairro.

Agora será necessário aguardar o parecer do relator, o vereador Toninho Paiva (PR), que o submeterá à aprovação dos demais integrantes da comissão. Está prevista ainda uma segunda audiência pública sobre o parque na Câmara, que pode acontecer na própria Comissão de Política Urbana, na Comissão de Administração Pública ou na Comissão de Finanças e Orçamento.

Até o momento, o Projeto de Lei tem a coautoria dos seguintes vereadores: Edir Sales (PSD); Claudio Fonseca (Cidadania); Sandra Tadeu (DEM); Rinaldi Digilio (PRB); Ricardo Teixeira (DEM); Gilson Barreto (PSDB); Souza Santos (PRB); Eliseu Gabriel (PSB) e Reis (PT). (Kátia Leite / colaboração Beth Florido)

Leia também: Centenas de pessoas em ato por Parque na Mooca

 

Começa a tradicional Festa do Imigrante


Um dos eventos mais aguardados na região, a Festa do Imigrante chega a sua 24ª edição com o tema “Reencontre suas raízes” e destaca a cultura e a gastronomia de 48 nacionalidades que contribuem, até os dias de hoje, para a formação do estado de São Paulo. A programação começa neste domingo, dia 2, no Museu da Imigração, na Mooca, e prossegue no próximo final de semana, dias 8 e 9. A festa acontece a partir das 10h e o ingresso custa R$ 10.

Nesta edição serão 58 expositores de alimentação e 29 de artesanato, além de apresentações de música e dança de 48 grupos artísticos.

Na gastronomia, além das tradicionais comidas italianas, portuguesas e espanholas, que fazem parte do legado deixado pelo grande fluxo migratório para o Brasil, os visitantes poderão saborear pratos de países que representam a imigração contemporânea, como Venezuela, Síria, Camarões e Moçambique, por exemplo. Para quem se interessa em aprender sobre novas receitas e quer descobrir os segredos de alguns dos cozinheiros do evento, o projeto “Sabor Paulista” realizará 18 oficinas culinárias, ministradas por representantes da Síria, Áustria, Japão, Índia, entre outros.

No palco, localizado no belo jardim do museu, as apresentações artísticas terão início às 11h. No total, serão 16 shows por dia, que envolverão diversos países como Palestina, Rússia, Portugal, Coreia do Sul, Chile, Cabo Verde e Peru. Também haverá workshops de dança.

Outros momentos de interação com as comunidades de imigrantes que participam do evento serão as oficinas de artesanato. Também haverá espaço especial para crianças.

24ª Festa do Imigrante – Museu da Imigração: rua Visconde de Parnaíba, 1.316, Mooca – telefone: 2692-1866. Dias 2, 8 e 9 de junho. Das 10h às 17h30 (bilheteria). Entrada : R$10 e R$5 meia-entrada. Confira a programação completa no site: www.museudaimigracao.org.br.

Arraial do Central Plaza com shows gratuitos

 


Continua neste fim de semana a programação musical junina do Central Plaza Shopping. Amanhã, dia 15, às 19h, a atração será o cantor Diego Alencikas que passa por diversos estilos, como baião, xote, xaxado, forró, entre outros. No domingo, às 15h, é a vez da banda Dona Zaira subir no palco com repertório do forró pé de serra e da música caipira.

O famoso Trio Sinhá Flor (foto), formado apenas por mulheres, se apresenta no dia 22, às 15h. Para fechar a programação junina, o grupo Dois Dobrados faz show no dia 29, às 19h.

Central Plaza Shopping: avenida Doutor Francisco Mesquita, 1000, Vila Prudente.

Caminhada do Coração acontece domingo na Mooca


Com o tradicional lema “Quem não anda, o coração desanda”, acontece neste domingo, dia 2, das 8h às 12h, a 20ª edição da Caminhada do Coração Dr. Algis Waldemar Zuccas, que leva o nome do seu idealizador. O evento, promovido pelo Rotary Club de São Paulo – Alto da Mooca, será no estacionamento do Mooca Plaza Shopping (rua Capitão Pacheco e Chaves, 313).

Além da prática da atividade, tem como objetivo proporcionar à população serviços da área da saúde e orientações preventivas que permitam a melhoria na qualidade de vida. Entre as ações previstas na área da saúde estão aferição de pressão arterial, exame de glicemia, orientação psicológica, vacinação contra gripe e exame de fundo de olho, entre outras.

Também serão oferecidos serviços como emissão de carteira profissional, elaboração de currículo e intermediação de mão-de-obra e corte de cabelo.

As inscrições gratuitas podem ser feitas pelo site: https://caminhadadocoracao.eventbrite.com.br. É solicitada a doação de um quilo de alimento não perecível. Os primeiros 2 mil participantes recebem kit do evento com camiseta e brindes.

Ingressos à venda para estreia do Juventus na Copa Paulista

A Copa Paulista 2019 começa dia 23 de junho. O torneio terá 24 clubes e novo formato de disputa. O campeão escolhe vaga na Copa do Brasil ou na Série D do Brasileirão do próximo ano. O Juventus estreia diante do Corinthians, que estará na disputa com o time sub-23, no estádio da rua Javari, às 10h. Os ingressos estão à venda na bilheteria do clube.

Nesta edição, a competição terá uma fase a mais de grupos e os times serão divididos em quatro chaves. Os quatro melhores de cada grupo se classificam para a etapa posterior, que terá quadrangulares de quatro times, com os dois melhores avançando. Os oito classificados serão divididos em outros dois quadrangulares e os dois primeiros de cada se classificam para fazer a semifinal e, em seguida, a final, prevista para acontecer dia 30 de novembro.

O Juventus está no Grupo 3, que é composto por: Portuguesa, Desportivo Brasil, Taubaté, Nacional e Corinthians. O Grupo 1 conta com Batatais, Linense, Votuporanguense (atual campeão), Comercial, Ferroviária e Mirassol. O Grupo 2 tem Inter de Limeira, Velo Clube, Noroeste, XV de Piracicaba, Rio Claro e Atibaia. O Grupo 4 é composto por Ponte Preta, São Caetano, Água Santa, Santo André, São Bernardo e Grêmio Osasco.