1 Comentário

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado

Por favor insira um comentário
Por favor informe seu nome
Informe uma url válida.

  • Anônimo 14 de janeiro de 2013, 15:04

    É inadmissível que estas castrofes venham acontecendo.E o governo não vê isso! Quanto dinheiro jogado fora!