11 Comentários

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado

Por favor insira um comentário
Por favor informe seu nome
Informe uma url válida.

  • Anônimo 17 de setembro de 2010, 15:01

    Apos os bloqueios todo dia esta uma bagunça nunca tem uma guarda para organizar é o pouco caso com qem paga imposto e nao tem retorno algum

  • Anônimo 14 de setembro de 2010, 11:50

    Vivi esse caos de hoje pela manhã na Av. Anhaia Mello, às 07:30 hs. estava na Av. Jacinto Menezes Palhares indo em direção ao centro, para percorrer os 2,5 km da Av. Anhaia Mello levei 32 minutos, é flagrante o despreparo da CET que só pode ter nomeado um “estagiário” para cuidar do novo traçado de sinalização das faixas de chão.

    No final do viaduto da Anhaia em direção ao centro esse erro grotesco na sinalização de faixas é bem perceptível, o motorista que está na faixa da esquerda se continuar sempre em sua direção terminará batendo ou derrubando os tapumes que foram colocados no canteiro central, vi um agente do trânsito tentando pôr “ordem na casa”: sinalizava insistentemente para que os motoristas viessem a ocupar a faixa da direita.
    O mesmo problema pode ser percebido também na pista contrária em direção ao bairro, na altura do núm. 1.800 da Anhaia Mello também a sinalização de chão foi refeita e quem está na faixa da direita tentando seguir pela Anhaia Mello sentido São Lucas ou passa pela calçada ou esfrega a lateral de seu carro nos caminhões que trafegam pela direita, outro erro flagrante de traçado.

    Lamentável o amadorismo da CET.

  • Anônimo 14 de setembro de 2010, 14:34

    Olá, gostaria de saber a partir de quando o metro irá funcionar no horário normal?

    At,
    Karina

  • Anônimo 15 de setembro de 2010, 19:57

    Horrível!!!! o transtorno causado pela cet para a construção desse monotrilho, o qual a população local da avenidade Anhaia Mello é contra. A faixa que indica o fechamento do retorno para quem vem do sentido bairro – centro está em cima do retorno!! o que deveria estar no mínimo a 500mt antes do retorno e a opção que dão p/evitar a Anhaia Mello, ir pela Av. Zelina tem que passar pela Anhai Mello!!! uma desorganização total, é a ideologia de que não tem jeito, que o transito é caótico..

  • Anônimo 16 de setembro de 2010, 10:46

    Os “Engenheiros de Trânsito” da CET devem ter comprado o Diploma. Não é possível !!! É muita incompetência !!! A Anhanha Mello está congestionada pela manhã e também a tarde. Pior a Av. Vila Ema também está congestionada, pois os motoristas estão tentando rotas alternativas. O pior é a obra. Eles estão fazendo primeiro os pilares incompletos, pois a parte de cima dos pilares não estão sendo feitos ( ele deverá formar um “T”, então a obra demorará ainda mais para ser concluída. Se vcs perceberem eles começaram a obra no meio do trecho, e só agora estão indo em direção a estação do metrô. Incompetentes.

  • Anônimo 16 de setembro de 2010, 23:12

    Nossa o trafego nesta região piorou muito nesta semana, nos ao redores da Anhaia Mello nem se fala então, Vila Ema, Vila Zelina tudo parado, quando fizeram o Expresso Tiradentes do Pq. Dom Pedro até a Vila Prudente passando pela Av. do Estado não gerou esse caos todo igual está gerando na Anhaia Mello.

  • Anônimo 17 de setembro de 2010, 21:24

    A Prefeitura de São Paulo tem logo que mandar arrumar o retorno localizado na Rua Tamuanas esquina com Avenida Zelina. Faltam cerca de 10 daqueles “trapézios” de concreto que delimitam estes retornos, e os espertos aproveitam para deixar os carros estacionados ali dentro.

  • Anônimo 18 de setembro de 2010, 10:30

    Concordo com o Alexandre, é um bando de imcompetentes, CET e a Construtora, porque não começam e terminam um trecho, pois ai pode-se ir liberando o transito e criando-se outras alternativas, mas a capacidade destes orgãos não conseguem exergar um palmo do nariz, toda vez que tem a turma dos “marronzinhos” arrumando o transito fica pior do que esta. Tá na hora deles se entenderem para organizar esta bagunça.

  • Anônimo 20 de setembro de 2010, 18:59

    Todo mundo reclama quando tem obras, mas quando não tem também reclamam. Todos querem metrô, mas não querem as obras ou as desapropriações. Mesma coisa com penitenciária e Fundação CASA. Assim fica difícil.

  • Anônimo 21 de setembro de 2010, 18:37

    POR ESSAS E OUTRAS TIVE QUE MUDAR DE CIDADE.
    ESTA DIFICIL DE MORAR EM SAO PAULO.

  • Anônimo 13 de outubro de 2010, 14:11

    Quero mais é que SP se exploda com o trânsito! Queria que hj tivesse chovendo e tivesse parado não na Rua Domingos Afonso, e sim no final da Anhaia Melo lá no Pq Sta Madaloca! Cambada de desocupados! CARONA SOLIDÁRIA JÁ!!!!!!!!!!